.

 

Imigrantes Somos Todos !

    
    
    
    
    

.

.
 

Espanha. Escravos, Escravizados, Imigrantes e Trabalho Infantil 

A imigração é um fenómeno mundial, assim como a exploração das fragilidades dos imigrantes. Estas situações são comuns nos países pobres, mas também são comuns em alguns dos mais desenvolvidos como a Espanha, onde prosperidade económica tem sido obtida á custa da mais infame exploração dos seres humanos. Mais

.

 
    
 

 

A Importância do Domínio da Língua

Uma dos maiores problemas dos imigrantes, em qualquer parte do mundo, reside no desconhecimento da língua do país de acolhimento. Quando não a conhecem  ficam numa situação particularmente vulnerável. Obter as coisas mais simples torna-se frequentemente num pesadelo. Mais 

...

 
    
 

Paata, 18 anos 

Jovem imigrante da Geórgia. Há três meses que o patrão não lhe pagava o ordenado. Resolveu vir a Lisboa à procura de trabalho, quanto três delinquentes o mataram na Estação do Metro do Campo Grande para lhe roubarem 15 euros

Foi no dia 21 de Junho de 2007, às 23.20. Um dia igual a todos os outros, em que imigrantes em todo o mundo são explorados, mortos e vitimas de racismo e xenofobia. Mais 

.

 
    
 

Europa:

 

Os Imigrantes Negros e os Muçulmanos são um Perigo Social ?

.

Globalização, Direitos Humanos e Imigração

 

Regresso ao Passado ?

Antes Que seja Tarde.

 
    
 

Novas Perspectivas sobre a Imigração 

Em breve neste local !

 
 

.

Principais Países de Imigrantes do Leste da Europa em Portugal: 

Ucrânia . MoldáviaRoménia .  Rússia . Bulgária

.

 
 

Destaques: Literatura Romena . Breve Retrato da Moldávia

.

 
  .. 
  Exploração dos Imigrantes Ilegais

A qualquer Estado assiste, por princípio, o direito de poder limitar a entrada no seu território de imigrantes. As diferentes leis sobre imigração estabelecem os critérios da sua entrada, assim como as sanções que serão aplicadas aos que as não cumprirem. 

O problema é que as desigualdades no mundo, sempre geraram movimentos de pessoas de uns países para outros, em função das oportunidades que se lhes afiguram mais adequadas para melhorarem as suas vidas. Neste campo não há leis que consigam impedir alguém de emigrar, ou que o possam dissuadir a tentar arranjar trabalho num dado país. Os portugueses sabem, por experiência própria, que esta afirmação é uma facto incontornável. Apesar de muitas leis os terem proibido de o fazerem, nenhuma delas teve força suficiente para os impedir de tentarem. Se não o podiam fazer de forma legal, faziam-no clandestinamente. Ora é aqui que começa a face negra de todo o processo - a brutal exploração que são vítimas os imigrantes ilegais. Mais.  

  

 
  .. 
 

Dois Imigrantes Fenomenais

Durante os Jogos Olímpicos de 2004 (Atenas), Portugal foi representado por dois antigos imigrantes naturalizados portugueses: Francis Obikwelu  e Naida Gomes. Mais

.

 
 

.

Testemunho

Entre final dos anos 50 e princípios do anos 70 do século XX, mais de uma milhão de portugueses emigraram para França. Centenas de milhares fizeram-no clandestinamente. 

 .

 
 

.

Um Problema de Gerações ou de Falta de Esperança no Futuro ?

As revoltas dos jovens negros e magrebinos em França, em Novembro de 2005, tiveram a condão re-colocarem na ordem do dia a questão da integração dos imigrantes. A revolta destes jovens foi marcada por destruições indiscriminadas nos seus próprios bairros. 

 

A revolta foi interpretada como um problema resultante da deficiente integração dos filhos de imigrantes já nascidos em França. Se estes jovens não se identificam com os valores e a cultura da França, mas também não se reconhecem com a cultura dos seus pais. Esta interpretação omite um problema mais sério: a ausência de esperança no futuro nestes jovens. Os seus pais foram discriminados, remetidos para guetos, mas tinham uma esperança: melhorarem as suas condições de vida e um dia saírem do gueto. As suas esperanças acabaram por ser transferidas para os seus filhos. Acontece que estes sentem agora de forma brutal as marcas da discriminação e parece que já deixaram também de ter esperança de um dia saírem dos guetos onde nasceram. Mais

.       

 
  .. 
 

Dever de Hospitalidade

A tradição humanista europeia define a hospitalidade como um dever moral de qualquer ser humano. O fundamento deste dever está no reconhecimento que todos temos os mesmos direitos sobre a Terra, o nosso bem comum.

Este dever configura um ideal caro a todos os cosmopolitas: a criação de sociedades abertas, multiculturais, assentes no reconhecimento da igualdade de direitos de todos os seres humanos, independentemente da sua raça, nacionalidade, religião ou condição social. Mais

..

 
  .. 
  Novos Horizontes

Cada novo imigrante representa um contributo para o enriquecimento da sociedade de acolhimento. O problema é que frequentemente são logo despojados da sua identidade e cultura, acabando reduzidos a uma mera força de trabalho. O resultado final é um empobrecimento das pessoas e do seu contributo para as sociedades de acolhimento. Mais

.

 
  .. 
  Imigrantes, a questão política

O estatuto dos imigrantes foi até há bem pouco tempo o de párias nos países de acolhimento. Não só lhes eram negado quaisquer direitos ou deveres políticos, como se lhes exigia que se mantivessem apolíticos e passivos. O que se passava à sua volta não lhes dizia respeito. Intrometerem-se na vida dos nacionais era, em muitos casos, correr o risco de serem severamente penalizados. A situação mudou. Hoje o acesso à cidadania dos imigrantes tornou-se num dos problemas centrais na maioria das sociedades europeias. Mais  

.

 
  .. 
 

Sensacionalismo versus Racismo

Na semana em que o ex-comissário da União Europeia responsável pela imigração, o português António Vitorino, declarava que o aumento da imigração na Europa é a única saída contra o envelhecimento da sua população, um jornal português - Correio da Manhã - tratava os imigrantes  ilegais como animais, afirmando que a polícia se entretinha a "caçá-los" na ruas. Por estranho que isto possa parecer, a noticia dada na primeira página do jornal, não provocou qualquer comentário. Mais

..

 
  .. 
  Envelhecimento e Imigração

A Europeia sofre de uma grave doença: o envelhecimento da sua população. A maioria dos seus países carece de um número cada vez maior de imigrantes para manterem o nível de vida que alcançaram. A fonte de recrutamento deixou há algum tempo de serem os países do sul da Europa (Grécia, Itália, Espanha e Portugal). Estes debatem-se hoje com o mesmo problema. Acontece que os novos migrantes são agora oriundos de regiões do mundo com outras matrizes culturais. Esta alteração da origem dos imigrantes acabou por provocar uma crise profunda nos modelos tradicionais de acolhimento dos imigrantes. Mais 

.

 
    
 

Imigração Brasileira em Portugal

Vila de Rei (Portugal) - Maringá (Brasil)

Uma experiência que pelo seu pioneirismo e simbolismo merece uma atenção especial. Leia também outras informações sobre a imigração brasileira em Portugal.  Mais 

.

 
  .. 
  .Imigração em Portugal e Direitos Humanos 

Durante séculos fomos um povo de emigrantes, espalhamo-nos pelas diferentes partes do mundo. No inicio dos 3º.milénio constatamos que também somos um país de imigrantes. Constituem 5% da população, 11 % da população activa e provêm de mais de 180 países. Números que só por si  revelam a dimensão do fenómeno e que necessariamente tem que ter profundos impactos na sociedade portuguesa. Mais

.

 
  .. 
  Doenças dos Imigrantes

Os portugueses foram o primeiro povo a emigrar para todas as partes do mundo. Ora desde muito cedo começaram também a manifestar um estranho estado de espírito, a melancolia. Esta melancolia chegou a ser considerada uma verdadeira doença, atribuída frequentemente à "saudade" que manifestavam pela sua terra natal. Mais. 

Hospital Miguel Bombarda, Lisboa

Às Quintas Consultas Especiais para Imigrantes 

 
  .. 
  Estudos sobre Imigração

Correspondendo ao enorme aumento da imigração depois de 2001, começam finalmente a a multiplicarem-se os estudos sobre esta realidade nova: Portugal como Destino de Imigração.

Desde finais dos século XIX que se registam estudos sobre imigrantes em Portugal. Na sua esmagadora incidiam sobre comunidades muito específicas de imigrantes que haviam adquirido alguma expressão numa dada época, região ou até em certas actividades económicas. Mais

.

 
  .. 

Africanos em Portugal: De Imigrantes a Grupos Étnicos

Começaram a chegar a partir de finais dos anos 60 para suprirem a falta de mão-de-obra que então se fazia sentir. Depois da descolonização (1974-1975) o seu número aumentou consideravelmente. Hoje constituem importantes comunidades étnicas de portugueses, onde se registam ainda graves problemas de integração. Mais  

.

  .. 

As Novas Invasões

As migrações de pessoas e povos não são de hoje mas de sempre. A espécie humana formou-se nessas andanças. Se os nossos antepassados comuns não tivessem imigrado para a savana, provavelmente nunca teríamos existido. Foi esta migração primordial que criou as condições para a gestação do homo sapiens.  

A verdade é que as migrações só em condições excepcionais, são bem recebidas.Mais

.

  .. 

Que Responsabilidades?

Qual a responsabilidade que tem as antigas potencias coloniais, como Portugal, para com as suas ex-colónias? Esta questão que hoje está no centro dos debates sobre África e os imigrantes africanos na Europa, não é de fácil resposta à luz dos modelos éticos ocidentais. Mais

.

  .. 

Sociedades Integradoras e Sociedades Segregadoras 

Quando Karl Popper, em 1943, publicou a "Sociedade Aberta e os Seus Inimigos", a questão de se colocava em todo o mundo era a de decidir entre Sociedades Fechadas (totalitárias, racistas, xanófobas, chauvinistas, etc ) e Sociedades Abertas (Democráticas. ) Mais.

..

  .. 

"África para os Africanos, Europa para os Europeus"

Um dos maiores paradoxos dos nossos tempos, marcados pela globalização, é o do regresso dos discursos etnocentricos. Ao mesmo tempo de se assiste à liberalização dos mercados, reclama-se em muitos países, sobretudo nos africanos, a simples expulsão dos estrangeiros sejam eles brancos ou de de outra cor qualquer. Mais

Destaques: Rotas da Escravatura

..

  .. 
  Entre a Exclusão e a Integração

O aumento do número de imigrantes em Portugal, à semelhança do que aconteceu em outros países, recoloca com outra dimensão velhos problemas, como é o da integração ou inserção de novos residentes.Mais

 

 

Curso de Português para Imigrantes

Nas próximas semanas vamos editar um curso completo de português para imigrantes, com versões especiais de português-russo e português-romeno. Mais

..

 
  .. 
  Do Racismo e das Suas Manifestações

Em todo o mundo, os imigrantes são os alvos privilegiados de manifestações racistas. Mas o que é o racismo? Quais são as suas causas e manifestações? Mais

...

 
  .. 
 

A Emigração na Literatura Portuguesa

Desde os século XVI que em Portugal se escrevem magnificas obras literárias onde a emigração constituiu um dos seus temas centrais. Lendo a "Peregrinação" de Fernão Mendes Pinto, "A Selva" ou "Emigrantes" de Ferreira de Castro, para já não falar de "Gente Feliz com Lágrimas" de João de Melo, podemos verificar que as grandes questões que hoje são debatidas sobre a imigração actual são aí dissecadas: solidão, escravatura, desagregação familiar, exclusão social, xenofobia, racismo, aculturação, etc...  Mais 

..

 
  .. 
 

Bibliografia sobre a Imigração em Portugal

.

Associações de Imigrantes 

..

 

Chegada de imigrantes a uma estação de caminhos de ferro da Europa Central (c.1974) 

.

Lusotopia

.

...

.

Em Foco | Portugal | Europa | Mundo | Histórias | Memórias | Contactos

Para nos contactar:

Imigrantes Somos Todos!

Director: Carlos Fontes

jornalpraceta@sapo.pt

Este site faz parte de uma rede internacional de sites temáticos, descubra-os !